Comunidade Imaginada

:: coisas da antropologia ::

Arquivo de Revistas de acesso condicionado

«Anthrosource» oferece dois meses de acesso livre

Durante Novembro e Dezembro vai ser possível aceder aos artigos publicados [a partir de 1997] na Anthrosource, a revista da triplo-A, a American Anthropological Association, habitualmente de acesso restrito, i.e., possível mediante pagamento. E para abrir o apetite para o banquete estão já disponíveis 25 artigos, que a Anthrosource considera o top+ dos downloads da revista.

No topo da lista, Do Muslim Women Really Need Saving? Anthropological Reflections on Cultural Relativism and Its Others, de Lila Abu-Lughod.

Uma prendinha de natal ou uma pequenina abertura ao “open access”? Whatever… é para aproveitar, são mais de 10 anos de produção antropológica convertida em free pdf!

Blog da AAA

A American Anthropological Association tem um novo blog, aberto à participação dos membros da associação e do publico em geral, que combina e substitui os anteriores – Anthropology News, Public Affairs e Human Rights.

It is a forum to discuss topics of debate in anthropology and a space for public commentary on association policies, publications and advocacy issues. We invite all anthropologists to use this domain to stimulate intellectual discussion.

A próxima iniciativa da AAA poderia ser disponibilizar em acesso livre as revistas que edita, actualmente (ainda?) restrito e condicionado a pagamento.

[CM]

Acesso livre às publicações da SAGE

Free Online Trial to all SAGE Journals until May 31: mais uma vez, a SAGE dá oportunidade de acesso ilimitado a todas as publicações, durante um período restrito. Até 31 Maio, a visita ao site da SAGE vai ser diária…

E, mais uma vez, menciono o Zotero como uma ferramenta indispensável para arquivar os resultados destas pesquisas. Extensão do Firefox – o browser que a esta hora já deveria ter eliminado todas as versões do IE da Microsoft dos computadores pessoais que correm em ambiente Windows -, o Zotero não só capta e arquiva, como cataloga, arruma e organiza todos os preciosos resultados das pesquisas. E mais: em alguns sites, como o da SAGE, basta um clique num pequeno icon para guardar TODA a informação que o site disponibiliza para o artigo encontrado. Não só os sumários e as referências bibliográficas, como também os pdf que estiverem associados.